Blog

    Solicitar a aposentadoria é um passo importante para todas as pessoas que trabalham a vida inteira. No entanto, é comum cometer erros que podem comprometer o benefício. Aqui no blog do Banco Mercantil temos um guia completo em como dar entrada no benefício.

    No texto de hoje, vamos apresentar os 7 erros mais comuns ao solicitar a aposentadoria no INSS, e fornecer dicas para evitá-los e garantir a concessão do benefício de maneira correta.

    1. Não conferir o tempo de contribuição

    Um dos principais erros ao solicitar a aposentadoria é não conferir o tempo de contribuição junto ao INSS. É fundamental ter certeza de que todas as contribuições foram contabilizadas corretamente, pois um tempo de contribuição menor do que o exigido pode comprometer o benefício.

    Leia mais: Planejamento para a aposentadoria: Como o tempo de contribuição afeta seu futuro financeiro 

    Portanto, é importante solicitar o Extrato de Contribuições no site do INSS ou comparecer a uma agência para obter essas informações.

    2. Não apresentar todas as informações necessárias

    Outro erro comum é não apresentar todas as informações necessárias para o INSS. É importante reunir todos os documentos relevantes, como carteira de trabalho, contracheques, comprovantes de pagamento de contribuições, entre outros. 

    Caso esteja solicitando a Aposentadoria Especial, o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) é um documento fundamental. Se alguma informação estiver faltando, a aposentadoria pode ser negada ou atrasada.

    3. Não atualizar os dados cadastrais

    Muitas pessoas esquecem de atualizar seus dados cadastrais junto ao INSS, como endereço e telefone. Isso pode fazer com que o órgão não consiga entrar em contato para informar sobre o andamento do processo. 

    Assim, é essencial manter os dados atualizados para evitar problemas futuros.

    Veja também: Segunda parcela do 13º dos aposentados: quando será liberada?

    4. Não enviar os documentos corretos

    Um dos erros mais comuns cometidos ao solicitar a aposentadoria é não enviar todos os documentos necessários. Isso pode levar a atrasos no processo ou até mesmo à negativa do pedido. Para evitar problemas, é importante se informar sobre todos os documentos exigidos pelo INSS para a concessão da aposentadoria e reunir tudo com antecedência. 

    Alguns dos documentos mais comuns incluem CPF, RG, carteira de trabalho, comprovantes de residência e de contribuição ao INSS. Também é importante verificar se há documentos específicos exigidos para cada tipo de aposentadoria, como aposentadoria por tempo de contribuição, por idade ou por invalidez. 

    Saiba mais: Guia completo sobre documentos necessários para dar entrada em cada tipo de aposentadoria

    Além disso, é recomendável que você sempre guarde uma cópia de todos os documentos enviados ao INSS, para evitar problemas futuros. Assista o vídeo que a Sandrinha, nossa apresentadora do YouTube, fala sobre os principais documentos que você precisará apresentar:

    Documentos para solicitar aposentadoria

    5. Não cumprir os requisitos mínimos

    Cada tipo de aposentadoria possui requisitos mínimos que o trabalhador deve cumprir, como idade mínima, tempo de contribuição, entre outros. É importante conferir se você preenche todos os requisitos antes de solicitar a aposentadoria, pois são fundamentais para a concessão do benefício. 

    Caso não satisfaça algum requisito, pode ser necessário esperar um pouco mais para se aposentar.

    6. Não acompanhar o andamento do processo

    O processo de aposentadoria pode levar algum tempo para ser concluído. Portanto, é importante acompanhar o andamento do processo pelo site do INSS ou pelo telefone, para saber se está tudo correto ou se é necessário fornecer alguma informação adicional. 

    Fique de olho nos prazos e não deixe de verificar regularmente o status do seu processo.

    7. Não recorrer em caso de negativa

    Por fim, um erro grave é não recorrer em caso de negativa do benefício. Muitas pessoas desistem após terem seu benefício negado, mas é importante recorrer caso você acredite que tem direito ao benefício. Existem prazos para o recurso, por isso é importante não perder tempo. Consulte um advogado especializado em direito previdenciário para ter as orientações necessárias nesse processo.

    Veja também: 4 dicas de renda extra para aposentados

    Vem ver o resumo

    Ao solicitar a aposentadoria, é fundamental conferir o tempo de contribuição, apresentar todas as informações necessárias, atualizar os dados cadastrais, enviar os documentos corretos, cumprir os requisitos mínimos, acompanhar o andamento do processo e recorrer em caso de negativa. 

    Seguindo essas dicas, você poderá evitar os erros mais comuns e garantir que seu processo de aposentadoria seja concluído com sucesso.

    Para estar sempre por dentro, conecte-se conosco nas redes sociais. Curta nossa página no Facebook, inscreva-se no YouTube, siga-nos no Instagram e Linkedin para receber informações sobre educação financeira. Te esperamos lá!

    Redação Mercantil 240 artigos publicados

    Com mais de 250 agências, 7 milhões de clientes e 80 anos de mercado, o Banco Mercantil é o primeiro do Brasil a se inspirar na experiência do público 50+ para desenvolver soluções especialmente voltadas para a juventude prateada. A Redação do banco está sempre em busca de simplificar esse universo, com dicas de investimento, economia, planejamento financeiro e estilo de vida personalizadas para você.

    Compartilhar
    Navegue pelo sumário
      Recentes
      FGTS
      Navegue pelo sumário

        Também pode te interessar

        Aposentadoria
        Aposentadoria
        Aposentadoria
        Aposentadoria
        Aposentadoria
        Aposentadoria

        Banco Mercantil do Brasil S.A. 17.184.037/0001-10
        Av. do Contorno, 5.800. Andares 11º, 12º, 13º, 14º e 15º. Savassi - Belo Horizonte - MG 30.110-042