Blog

    Estar com o nome negativado pode ser um peso enorme, limitando suas opções financeiras e criando obstáculos em diversas áreas da sua vida. Você não está sozinho nessa jornada. 

    Neste artigo vamos explicar as etapas práticas para limpar seu nome de forma segura e eficiente, e estratégias comprovadas para evitar cair no ciclo do endividamento no futuro. Boa leitura!

    Passos para limpar seu nome de forma segura e eficiente

    Embora o caminho para limpar seu nome possa parecer desafiador, existem estratégias comprovadas que podem torná-lo um processo mais simples e eficaz. 

    Vamos detalhar os principais passos a serem seguidos:

    1. Identificar suas dívidas negativadas

    O primeiro passo é descobrir quais são suas dívidas que estão registradas nos serviços de proteção ao crédito, como o Serasa e SPC. Para obter essa informação, você pode consultar seu CPF no site desses órgãos.

    2. Entrar em contato com os credores

    Após identificar suas dívidas, entre em contato com as empresas às quais você deve para negociar suas dívidas. Aproveite essas oportunidades para chegar a um acordo que caiba em seu orçamento.

    Caso sua dívida seja de um empréstimo, uma dica é realizar a portabilidade com troco para outra instituição financeira que ofereça juros mais acessíveis. Neste processo, você também pode fazer acordos mais favoráveis em relação ao pagamento das parcelas.

    Faça a portabilidade do seu consignado com o maior troco no Banco Mercantil.

    3. Organizar suas finanças

    Durante o processo de quitação de dívidas, é essencial ter um controle detalhado de suas receitas e despesas. Utilize planilhas financeiras ou aplicativos de gerenciamento pessoal para mapear seus gastos e identificar oportunidades de corte de despesas desnecessárias. 

    4. Honrar os acordos firmados

    Ao fechar um acordo de pagamento, cumpra rigorosamente o combinado. O atraso ou o não pagamento de uma parcela pode levar à reinclusão de seu nome nos serviços de proteção ao crédito. 

    Leia mais: Vale a pena pedir empréstimo para pagar dívidas?

    5. Acompanhar a limpeza do nome

    Após o pagamento da dívida, o credor tem até 5 dias úteis para remover seu nome dos cadastros de inadimplentes. Caso isso não ocorra, você pode solicitar a exclusão ou, se necessário, entrar com uma ação judicial por negativação indevida.

    6. Criar hábitos financeiros saudáveis

    Limpar o nome é apenas o primeiro passo. Para evitar recair no ciclo do endividamento, é importante desenvolver hábitos financeiros sustentáveis. 

    Continue acompanhando detalhadamente suas receitas e despesas, planejando os seus gastos de forma responsável e construindo uma reserva de emergência. Ao seguir esses passos, você estará no caminho certo para se libertar das dívidas e recuperar o controle das suas finanças pessoais. 

    Por que é importante manter o nome limpo?

    Ter o nome negativado pode trazer uma série de consequências desafiadoras para sua vida. Desde restrições bancárias até dificuldades em conseguir emprego, essa situação pode criar obstáculos significativos em diversas áreas. Saiba mais:

    Acesso limitado ao sistema financeiro

    Quando seu nome está negativado, os bancos têm direito a impedir a abertura de novas contas-correntes, bloquear seu cheque especial e negar a emissão de novos cartões de crédito. 

    Entenda: Como solicitar empréstimos para aposentados negativados?

    Desafios na obtenção de crédito

    Com o nome sujo, pode ser muito difícil obter aprovação para financiamentos, aluguéis de imóveis, contratos de cartão de crédito e até mesmo compras a prazo. 

    Essa limitação de acesso ao crédito pode impedir a realização de importantes projetos de vida, como a aquisição da casa própria ou a compra de um veículo.

    Obstáculos em processos de seleção

    Algumas empresas, especialmente as que atuam em setores financeiros, podem evitar contratar candidatos com o nome negativado. Apesar de controversa, a prática reflete uma preocupação das organizações com a saúde financeira de seus colaboradores.

    Impacto emocional e social

    Estar com o nome sujo pode gerar sentimentos de culpa, vergonha e estresse, afetando seu bem-estar emocional e social. Essa carga pode se estender até aos seus relacionamentos e interações diárias, criando um ciclo prejudicial.

    Diante desse cenário, é fundamental compreender que o ato de limpar seu nome não se trata apenas de uma questão financeira, mas também de recuperar dignidade, autonomia e oportunidades de vida. 

    Desenvolvendo hábitos financeiros saudáveis

    Além de limpar seu nome, adote práticas que o ajudem a evitar cair novamente no ciclo do endividamento. Aqui estão algumas dicas de educação financeira que podem transformar sua relação com o dinheiro:

    Acompanhe as suas receitas e despesas

    Anotar minuciosamente todas as suas entradas e saídas de dinheiro é o primeiro passo para ganhar controle sobre suas finanças. Isso lhe permitirá identificar onde você está gastando demais e onde pode cortar despesas desnecessárias.

    Faça o planejamento orçamentário mensal

    Com base em seus gastos, crie um orçamento mensal que defina metas de gastos para cada área de sua vida, como moradia, alimentação, lazer e prioridades financeiras. Uma boa referência é a regra 50-35-15:

    • 50% da renda são destinados a gastos essenciais
    • 35% da renda são destinados a gastos pessoais
    • 15% da renda são destinados a prioridades financeiras.

    Tenha disciplina na execução do orçamento

    Não basta apenas criar um orçamento, é essencial segui-lo à risca. Compare mensalmente o que você planejou e o que de fato foi gasto. Evite ceder à tentação do cheque especial e do cartão de crédito para compras não planejadas.

    Construa uma reserva de emergência

    Para que seu planejamento financeiro não seja abalado por imprevistos, destine parte de suas “prioridades financeiras” para a formação de uma reserva de emergência. Ela deve equivaler a pelo menos três meses de sua renda familiar.

    O Programa Desenrola Brasil: uma alternativa para renegociar dívidas

    Um dos fatores que contribuíram para a melhora do cenário de endividamento no Brasil foi a criação do Desenrola Brasil, pelo governo federal. Com esse programa, pessoas com nome sujo têm condições diferenciadas para renegociarem dívidas, com descontos expressivos e prazos de pagamento acessíveis.

    Mantenha-se sempre atualizado! Nos siga no Facebook, Instagram, YouTube e LinkedIn e não perca nenhuma novidade do Banco Mercantil. 

    Redação Mercantil 97 artigos publicados

    Compartilhar
    Navegue pelo sumário
      Recentes
      Meu Mercantil
      Navegue pelo sumário

        Também pode te interessar

        +Dinheiro
        +Dinheiro
        +Dinheiro
        +Dinheiro
        +Dinheiro
        +Dinheiro

        Banco Mercantil do Brasil S.A. 17.184.037/0001-10
        Av. do Contorno, 5.800. Andares 11º, 12º, 13º, 14º e 15º. Savassi - Belo Horizonte - MG 30.110-042