Blog

    A aposentadoria é um momento esperado por muitos trabalhadores, mas nem sempre o valor concedido pelo INSS está correto. Erros no cálculo podem resultar em benefícios abaixo do esperado. Por isso, a revisão de aposentadoria é uma alternativa para corrigir esses equívocos e aumentar o valor do benefício.

    Neste artigo, vamos explicar o que é a revisão de aposentadoria, quem tem direito a solicitar, como verificar se o valor está correto e as principais possibilidades de revisão. Você também aprenderá como solicitar a revisão e qual o prazo para fazê-lo. Acompanhe!

    O que é a revisão de aposentadoria?

    A revisão de aposentadoria é um procedimento pelo qual um aposentado pode corrigir o valor do seu benefício se identificar erros no cálculo realizado pelo INSS. É comum o INSS cometer equívocos no cálculo das aposentadorias, o que pode resultar em benefícios abaixo do valor devido.

    A revisão de aposentadoria é uma forma de buscar a correção desses erros e aumentar o valor do benefício. Porém, nem todos os aposentados têm direito à revisão. Apenas aqueles cujo benefício foi concedido com valor abaixo do devido podem solicitar a revisão.

    Quem tem direito à revisão de aposentadoria?

    Para ter direito à revisão de aposentadoria, é necessário preencher dois requisitos: ser aposentado e receber um benefício com valor inferior ao devido. Se você se enquadra nessas condições, pode solicitar a revisão.

    É importante ressaltar que muitos aposentados não sabem calcular o valor correto de suas aposentadorias. Por isso, é fundamental realizar um estudo de viabilidade da revisão de aposentadoria. Esse estudo deve ser feito a partir da análise da documentação relacionada à concessão do benefício, aos vínculos trabalhistas e às contribuições previdenciárias.

    Através desse estudo, é possível identificar se há erros no cálculo do benefício e se a revisão é viável. Para isso, é recomendado consultar um advogado especializado em direito previdenciário, que poderá analisar detalhadamente os documentos e orientar sobre a possibilidade de revisão.

    Como saber se o valor da aposentadoria está correto?

    Para verificar se o valor da aposentadoria está correto, é necessário realizar uma análise minuciosa da documentação relacionada ao benefício. A carta de concessão, o processo administrativo, os vínculos trabalhistas e as contribuições previdenciárias devem ser analisados em detalhes.

    É comum o INSS cometer erros no cálculo das aposentadorias, seja por falta de estrutura para analisar os requerimentos, seja por não seguir corretamente as normas referentes ao cálculo dos benefícios. Por isso, é importante ter conhecimento sobre o valor correto do benefício e sobre os seus direitos.

    Quais as principais possibilidades de revisão de aposentadoria?

    Existem diversas possibilidades de revisão de aposentadoria, cada uma relacionada a um aspecto específico do benefício. Vamos apresentar as principais possibilidades a seguir:

    1. Erro de fato ou de cálculo

    Um dos motivos mais comuns para solicitar a revisão de aposentadoria é a identificação de erros de fato ou de cálculo cometidos pelo INSS. Esses erros podem incluir a não consideração de vínculos empregatícios, salários incorretos no cálculo da aposentadoria, inclusão de períodos de atividade especial não considerados, entre outros equívocos.

    2. Conversão de tempo especial

    A conversão de tempo especial é uma possibilidade de revisão para os trabalhadores que exerceram atividades em condições prejudiciais à saúde ou à integridade física. Esses períodos de trabalho especial podem ser convertidos em tempo comum, o que pode aumentar o tempo de contribuição e, consequentemente, o valor da aposentadoria.

    3. Revisão da vida toda

    A revisão da vida toda é uma possibilidade de revisão que leva em consideração todas as contribuições previdenciárias realizadas ao longo da vida do segurado, mesmo aquelas anteriores à Lei de 1994. Essa revisão busca corrigir possíveis diferenças no cálculo da aposentadoria, levando em conta toda a trajetória contributiva do segurado.

    4. Reflexos de reclamação trabalhista

    Caso o segurado tenha uma reclamação trabalhista em que houve reconhecimento de vínculo empregatício ou pagamento de verbas salariais, é possível solicitar a revisão da aposentadoria para incluir esses reflexos. Dessa forma, o valor do benefício pode ser aumentado considerando os reflexos da decisão judicial.

    5. Revisão das atividades concomitantes

    Para os segurados que exerceram mais de uma atividade remunerada ao mesmo tempo, é possível solicitar a revisão da aposentadoria levando em consideração todas as atividades desempenhadas. Essa revisão pode resultar no aumento do valor do benefício, considerando a soma das contribuições previdenciárias de todas as atividades.

    6. Revisão do teto

    A revisão do teto ocorre quando o segurado teve o valor do benefício limitado pelo teto previdenciário vigente na época da concessão. Caso o segurado tenha contribuído com valores superiores ao limite estabelecido, é possível solicitar a revisão para incluir essas contribuições no cálculo da aposentadoria.

    7. Revisão do buraco negro

    A revisão do buraco negro é uma possibilidade para os segurados que tiveram suas aposentadorias concedidas entre 5 de outubro de 1988 e 4 de abril de 1991. Nesse período, houve uma defasagem na correção dos salários de contribuição, o que pode resultar em uma diferença no valor do benefício. A revisão busca corrigir essa defasagem e aumentar o valor da aposentadoria.

    Essas são apenas algumas das possibilidades de revisão de aposentadoria. Cada caso deve ser analisado individualmente, levando em consideração a documentação e as peculiaridades do segurado.

    Qual o prazo para pedir a revisão de aposentadoria?

    O prazo para solicitar a revisão de aposentadoria varia de acordo com cada situação. Em geral, a revisão deve ser solicitada dentro de até 10 anos após o início do pagamento da aposentadoria. Caso o prazo seja superior a 10 anos, dificilmente será possível pedir a revisão no INSS.

    No entanto, existem algumas exceções a esse prazo. Por exemplo, na revisão da vida toda, que leva em consideração todas as contribuições previdenciárias realizadas ao longo da vida do segurado, não há um prazo específico para solicitar a revisão.

    Vem ver o resumo

    A revisão de aposentadoria é uma alternativa para corrigir erros no cálculo do benefício e aumentar o valor recebido pelo aposentado. Porém, nem todos os aposentados têm direito à revisão. É necessário preencher os requisitos e realizar um estudo de viabilidade para identificar possíveis erros.

    Existem diversas possibilidades de revisão de aposentadoria, cada uma relacionada a um aspecto específico do benefício. 

    Para estar sempre por dentro, conecte-se conosco nas redes sociais. Curta nossa página no Facebook, inscreva-se no YouTube, siga-nos no Instagram e Linkedin para receber informações sobre as soluções financeiras do Banco Mercantil. Te esperamos lá!

    Para solicitar a revisão de aposentadoria, é necessário reunir a documentação necessária, verificar se há direito a algum tipo de revisão, fazer os cálculos para identificar a viabilidade da revisão, fazer o pedido junto ao INSS e acompanhar o andamento do processo.

    O prazo para solicitar a revisão de aposentadoria varia de acordo com cada situação, sendo importante respeitar o prazo decadencial. Vale a pena contratar um advogado especialista em revisão de aposentadoria para auxiliar em todo o processo.

    Não deixe de buscar seus direitos e garantir que o valor da sua aposentadoria esteja correto. Consulte um advogado especializado e dê entrada na revisão de aposentadoria se necessário. Afinal, é seu direito ter um benefício justo e adequado.

    Redação Mercantil

    244 artigos publicados

    Com mais de 250 agências, 7 milhões de clientes e 80 anos de mercado, o Banco Mercantil é o primeiro do Brasil a se inspirar na experiência do público 50+ para desenvolver soluções especialmente voltadas para a juventude prateada. A Redação do banco está sempre em busca de simplificar esse universo, com dicas de investimento, economia, planejamento financeiro e estilo de vida personalizadas para você.

    Compartilhar

    Navegue pelo sumário

      Recentes

      +Dinheiro

      Navegue pelo sumário

        Também pode te interessar

        Aposentadoria

        Aposentadoria

        Aposentadoria

        Aposentadoria

        Aposentadoria

        Aposentadoria

        Banco Mercantil do Brasil S.A. 17.184.037/0001-10
        Rua Rio de Janeiro, 680 - Centro, Belo Horizonte/MG - CEP 30160-912